Teatro Sá da Bandeira

Construção do início do século XX, este edifício tornou-se, à época, numa das principais referências culturais da cidade. A marca do romantismo tardio manifesta-se na decoração neo-barroca, adaptada às inovações estilísticas das primeiras salas de cinema do país, anteriores à art deco. O hibridismo da fachada, característico da arquitetura romântica, apresenta uma profusão de elementos decorativos de varias origens formais, utilizados desde os finais do século XIX e as primeiras décadas do século XX.

Rua João Afonso nº 7, 2000-074 Santarém
243 309 460 | teatrosabandeira@cm-santarem.pt
3ª a sexta das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 16h00 | Encerra sábado, domingo, segunda e feriados

Nota: Nos espetáculos a realizar em horário de encerramento, a bilheteira abre 1 hora antes.

INFORMAÇÕES, BILHETEIRA, BILHETEIRA ONLINE E RESERVAS
Informação e reservas através do teatrosabandeira@cm-santarem.pt e pelo telefone 243 309 460.
O horário da bilheteira é de 3ª a sexta das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 16h00 | Encerra sábado, domingo, segunda e feriados. Em dias de espetáculos ou eventos, abre 1 hora antes do espetáculo ou evento, encerrando meia hora após o início. Nos 30 minutos que antecedem os espetáculos apenas se vendem bilhetes para os mesmos.
Fora do horário de abertura ao público, a venda e reservas de bilhetes é possível através da plataforma online – BOL e nas lojas Worten, CTT e FNAC.

Descontos
Os descontos aplicam-se apenas aos espetáculos cuja programação é da responsabilidade do Santarém Cultura, nos seguintes casos:
20% de desconto

  • Menores de 30
  • Maiores de 65
  • Grupos de 10 ou mais pessoas
  • Famílias (3 ou mais elementos: com adulto/s + criança/s até aos 12 anos)

  • Os alunos e professores de Conservatórios, Academias, Escolas de Artes e Ensino Superior, têm desconto direto de 40% na compra do ingresso.

    Os bilhetes com desconto são pessoais e intransmissíveis, obrigando à apresentação do respetivo documento comprovativo à entrada do espetáculo. Os descontos não são acumuláveis e os espetáculos sujeitos a descontos estão devidamente assinalados. As entradas gratuitas são limitadas à lotação do espaço, mediante levantamento prévio de bilhete.

    Nota: Nas sessões escolares aplica-se isenção para alunos com escalões mediante comprovativo por parte da escola.
    Escalão A - Gratuito
    Escalão B – 50%

    Condições de Acesso
    A acessibilidade está assegurada, bem como a assistência a pessoas com mobilidade reduzida, no Teatro Sá da Bandeira. Nos restantes equipamentos, devem ser consultados previamente, consoante a tipologia de evento.

    Regras de Reserva
    Os bilhetes reservados devem ser levantados até 5 dias após a reserva ou até pelo menos 48h antes da hora de início do espetáculo. Após estes períodos serão automaticamente disponibilizados ao público. Não há lista de espera.

    Regras de Devolução
    O programa pode sofrer alterações por motivos imprevistos. Se por motivo de força maior a data de espetáculo for alterada, os bilhetes adquiridos serão válidos para a nova data definitiva. Serão restituídas aos espectadores que o exigirem, as importâncias dos respetivos ingressos sempre que não se puder efetuar o espetáculo no local, na data e hora marcados, assim como em caso de cancelamento do espetáculo.
    Os portadores dos ingressos do espetáculo em causa devem apresentar-se na bilheteira, num prazo de 8 dias, a fim de deixarem os dados pessoais (NIB e NIF) para a restituição do respetivo valor dos ingressos. O mesmo se aplica em casos de interrupção do espetáculo, nos mesmos prazos e com as mesmas condições.
    A devolução das respetivas importâncias será feita no prazo máximo de 30 dias.

    Regras das Salas O programa pode sofrer alterações por motivos imprevistos.
    O espetáculo começa impreterivelmente à hora marcada.
    Após o início do espetáculo não é permitida a entrada na sala, salvo a indicação dos assistentes de sala, e não havendo lugar ao reembolso do preço pago pelo bilhete.
    É expressamente proibido fumar, consumir alimentos ou bebidas no interior do auditório e em outros espaços de espetáculo.
    Os espectadores devem desligar à entrada todos os aparelhos que produzam som, incluindo telemóveis.
    Não é permitida a entrada com objetos volumosos para dentro das áreas de espetáculo ou apresentações.
    O bilhete deverá ser conservado até ao final do espetáculo.
    É proibida a recolha e gravação de imagem ou som, exceto se previamente autorizadas pela direção.
    Exceto se indicado na ficha do espetáculo, por imposição legal, de acordo com Decreto-Lei nº 23/2014 de 14 de Fevereiro, não é permitida a entrada a menores de 3 anos nas salas de espetáculos.


    Caso pretenda, poderá efetuar o download do Rider Técnico do Teatro Sá da Bandeira, em documento no formato .pdf.

      DOWNLOAD



     Ver mapa  Obter Direções
    PRÓXIMOS EVENTOS
    Dom, 23 Jun
    16:00

    Teatro Sá da Bandeira


    Teatro/Comédia Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas uma criação de Joana Craveiro | Teatro do Vestido
    LER MAIS
    Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas
    Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas, uma criação de Joana Craveiro | Teatro do Vestido

    uma referência do Teatro Contemporâneo Português

    Teatro | Dom, 23 jun | 16h00 | Teatro Sá da Bandeira | Classificação Etária M/16 | Duração 6h aprox. (com refeição incluída) | Preço: 5€ (preço único)

    Sinopse: Nesta digressão de 2024 de Um museu vivo, acompanhamos de perto as comemorações do 50º aniversário do 25 de Abril, tal como o fizemos há 10 anos atrás. Observamos, analisamos, dissecamos, refletimos.

    A memória não está fechada. A sua natureza é a de uma construção permanente. O significado de um dado acontecimento históricos torna-se, por isso, campo de batalha das subjetividades várias, ideologias e interpretações que se jogam nas diferentes tentativas de inscrever no espaço público uma versão ‘definitiva’ sobre um determinado acontecimento. 50 anos é uma fração de segundo na história do planeta e, na história de um país, é também um tempo reduzido. Mas permite-nos, a esta distância e com alguns dos agentes e sujeitos dessa história ainda vivos, perceber como foram vividos esses tempos que ainda hoje nos formam e condicionam no nosso presente e nos permitem construir futuros.

    Este espetáculo é sobre isso.

    Tal como a memória não é estática, também este trabalho vive desta relação próxima com a forma como a inscrição da História no espaço público, os usos públicos da memória e as políticas da memória vão evoluindo e nos vão fazendo evoluir na nossa apreensão e interpretação dos acontecimentos que o espetáculo aborda.

    Este é um museu vivo e como entidade viva que é, abre-se a novos materiais, novas histórias e a novos olhares poéticos que nos permitam construir presentes e passados com base nos passados que aqui se contam.

    Joana Craveiro

    Ficha Técnica

    Investigação, texto, direção e interpretação Joana Craveiro | Colaboração criativa e assistência Rosinda Costa (na versão de 2014-16) e Tânia Guerreiro | Figurinos Ainhoa Vidal | Desenho de luz e adaptação técnica João Cachulo | Montagens e operação de luz Cristóvão Cunha | Operação de som Igor de Brito | Operação de vídeo Henrique Antunes | Direção de produção Alaíde Costa | Apoio Estêvão Antunes | Apoio técnico FXRoadlights | Co-produção Teatro do Vestido, Negócio / ZDB, São Luíz Teatro Municipal | Apoios Citemor - Festival de Montemor-o- Velho, Alkantara, Abril é Agora

    Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas estreou-se em 2014, no contexto da Tese de Doutoramento de Joana Craveiro. A realização da tese contou com o apoio de República Portuguesa – Ciência e Tecnologia, Fundação para a Ciência e Tecnologia, QREN – Quadro de Referência Estratégico Nacional, UE – Fundo Social Europeu.

    O Teatro do Vestido tem o apoio de República Portuguesa | DGARTES, para o biénio 2023-2024

    A programação do Teatro Sá da Bandeira tem o apoio: República Portuguesa - Cultura I DGARTES – Direção-Geral das Artes e da Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses

    Teatro Sá da Bandeira

    Horário de Abertura ao público: 3ª a 6ª feira – 10:00 às 12:00 / 14:00 às 16:00

    Nos espetáculos a realizar em horário de encerramento, a bilheteira abre 1 hora antes

    Encerrado ao Sábado, Domingo, Segunda-feira e Feriados

    Fora do horário de abertura ao público, a venda e reservas de bilhetes é possível através da plataforma online – BOL e nas lojas Worten, CTT e FNAC.

    Contactos:

    T. 243 309 460 | teatrosabandeira@cm-santarem.pt
    Qua, 26 Jun
    21:30

    Teatro Sá da Bandeira


    Cineclube de Santarém BAAN – CASA Cinema | de Leonor Teles
    LER MAIS
    BAAN – CASA
    Cinema | BAAN – CASA, de Leonor Teles Cinema | Qua, 26 jun | 21h30 | Teatro Sá da Bandeira Preço público geral » 5€ | sócios Cineclube » 2,5€ | bilhete jovem até 30 anos » 1€ | bilhete jovem até 30 anos sócio cineclube » entrada gratuita Sinopse: Passado, presente – e talvez futuro – entrelaçam-se num carrossel que acelera uma juventude em tumulto. A vida adulta, relacionamentos traumáticos e a carreira, são avassaladores, numa história que começa quando L conhece K. Título original: BAAN De: Leonor Teles Ficção, POR, 2023, 100 min., M/12 Teatro Sá da Bandeira Horário de Abertura ao público: 3ª a 6ª feira – 10:00 às 12:00 / 14:00 às 16:00 Nos espetáculos a realizar em horário de encerramento, a bilheteira abre 1 hora antes Encerrado ao Sábado, Domingo, Segunda-feira e Feriados Fora do horário de abertura ao público, a venda e reservas de bilhetes é possível através da plataforma online – BOL e nas lojas Worten, CTT e FNAC. Contactos: T. 243 309 460 | teatrosabandeira@cm-santarem.pt